quarta-feira, 5 de março de 2014

Amanha

De tudo na vida
que há para ser vivido
são apenas momentos
de ternas recordações

será isso a vida
um momento fugaz
de uma qualquer liberdade
de espirito

Ou seremos presas
de um mundo caotico
em que o amanha
é sempre esperança?