terça-feira, 4 de março de 2014

Voar

Poema: Voar

Queria ser um pássaro
para poder voar mais alto
mais longe
e perder-me na linha ténue do horizonte.

E quando me visses no céu
imerso em minhas asas
me pudesses chamar
e eu viesse ao teu encontro

Mas parti
tu sabe-lo bem
parti para não mais
voltar

E agora é uma saudade
ténue que te aperta
o coração
dessa tua solidão

Compreendes por fim
que tudo na vida finda
mas o nosso amor
para sempre viverá