domingo, 6 de outubro de 2013

Album: Noite

*confidências*

Ré                                  Dó
Saúdo a noite que vejo em ti
Ré                                  Dó
a amargura e a saudade
Ré                                 Dó
que parece que te conheci
Ré                        Dó
de uma eternidade

Saúdo a noite em que te reconheci
vinhas em pétalas abençoada
que foi pouco a vida para ti
tu que eras assim amada

No teu beijo recorri
da sentença do amor
que do pouco que te vi
eram despidos de nós dois

refrão: 
Sol                       Dó7
Foram poucas as horas
(022033)
para te reconhecer
Sol                     Dó7
tu que vinhas repleta
(022033)
de um terno amanhecer